Menu
joão pessoa notícias: notícias da paraíba e Brasil mundo entretenimento política e muito mais
Para ouvir nossa rádio, baixe o aplicativo RadiosNet para celulares e tablets com Android ou iPhone/iPads.

Black Friday: Polícia Militar fará operação para reforçar segurança

28 NOV 2019
28 de Novembro de 2019
Por: redação/joaopessoanoticia.com/Mais PB

As promoções no comércio com a Black Friday, o pagamento da segunda parcela do 13º salário dos aposentados e pensionistas da Previdência Social, pagamento do estado, pagamento de prefeituras, além do saque do FGTS, devem aumentar significativamente o movimento de pessoas e valores nas ruas, nesta sexta-feira (29). Para garantir a segurança e prevenir qualquer tipo de crime no dia, a Polícia Militar vai atuar com a operação Cidade Segura, que terá reforço de mais de 950 policiais em todo o estado.


Em alguns locais, as medidas de segurança já começarão a ser colocadas em prática ainda na noite dessa quinta-feira (28), por causa das filas que se formam em frente às lojas. Houve um mapeamento desses locais e as rondas serão reforçadas.


Na sexta-feira (29), o reforço policial deve tomar conta das ruas bem antes das lojas e bancos abrirem as suas portas. “Começa com as abordagens nos ônibus, nas paradas dos coletivos, a ocupação de pontos estratégicos e teremos também o auxílio de drones nesse trabalho”, detalhou o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Euller Chaves.


A grande João Pessoa contará com quase 400 policiais de reforço e 92 viaturas. Em Campina Grande e região, a operação Cidade Segura mobiliza 304 policiais e 72 viaturas. No Sertão, são 279 policiais e 136 viaturas atuando na operação. Em todas as cidades, as áreas comerciais receberão uma atenção especial.


Orientações – Mesmo com o forte esquema de segurança que foi montado, as pessoas devem também ter alguns cuidados para contribuir com a prevenção, a exemplo de não dizer que está saindo para sacar dinheiro, não pedir orientação a estranhos, andar com a bolsa na frente do corpo e ter atenção no que está à sua volta, principalmente quando for acessar o celular para fazer comparativo de preço, atitude que é muito comum no dia. Em qualquer caso suspeito, a população deve acionar imediatamente um dos policiais que estiverem por perto ou ligar para o 190.


Voltar
Tenha também o seu site. É grátis!